De acordo com a Previc, fundos de pensão ficam imunes à crise do grupo X

O superintendente da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), José Maria Rabelo, afirmou que a crise no 'grupo X' do empresário Eike Batista não contaminou o setor de fundos de pensão. O diagnóstico foi feito nesta terça-feira, 10, durante a participação de Rabelo no 34º Congresso Nacional de Fundos de Pensão...

Bancos públicos vão liderar crédito em 2014

O crédito bancário vai crescer a taxas mais moderadas em 2014, prevê o Banco Central, com um avanço projetado em 13%, abaixo dos 14% esperados para 2013. Os bancos públicos vão desacelerar a expansão de suas carteiras, de 21% para 17%, mas uma análise detalhada dos dados mostra que o crescimento seguirá desequilibrado.

Juros futuros têm alta com IPCA-15 e emprego forte

Indicadores domésticos roubaram a cena no mercado de juros futuros da BM&F ontem, ofuscando os ajustes de prêmios de risco ao anúncio de redução dos estímulos monetários nos Estados Unidos. O IPCA-15 de dezembro, maior que o esperado, e a queda da taxa de desemprego em novembro colocaram em primeiro plano os contratos de Depósito Interfinanceiro (DI) ligados às expectativas para os próximo passos do Comitê de Política Monetária (Copom).

Aeronautas aceitam proposta de companhias aéreas e descartam greve

O Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) aceitou a proposta das companhias aéreas e a greve, prevista para ser realizada no fim do ano, auge do movimento dos aeroportos, e que envolveria a participação de pilotos, de copilotos e dos comissários de voo foi descartada. 

A paralisação estava prevista para começar na próxima sexta-feira (20/12) e permaneceria por tempo indeterminado. Os aeroportuários aceitaram o reajuste de 5,6% apresentado na última quarta-feira (18/12) em reuniao entre dirigentes das companhias aéreas e representates do SNA. A possível paralisação dos aeronautas preocupou autoridades devido à aproximação do período de festas e férias.

Fim de ano: Arrumar as malas e por o pé na estrada

As festas de fim de ano chegaram, e com elas o desejo de ficar perto da família e dos amigos. Por isso, aproximadamente 150 mil pessoas devem sair da cidade nos próximos dias – a maioria delas de carro ou ônibus. Diante disso, é preciso estar atento às condições das rodovias. Mesmo com as altas taxas dos pedágios, muitas vias continuam com os velhos problemas: faixas, acostamentos e placas deficientes. Ou seja, falhas  na sinalização que acabam se transformando em armadilhas.

Boletim Eletrônico

Inscreva-se em nosso Boletim Eletrônico para manter-se informado.

Mensagem da AFABB-DF

Associação com 17 anos (2000 - 2017) de atuação permanente na defesa e preservação dos interesses dos associados o que determina nossa razão de ser!

Sempre mais forte com sua participação,

A AFABB-DF

Contato

 
 (61)3226.9718 / Fax: (61)3323.2781
 Setor Bancário Sul - Quadra 02 Bloco A Edifício Casa de São Paulo - Salas 602/604 - Brasília/DF - CEP: 70078-900